Foto Marcelo Gladson
PMDB oficializa pré-candidatura de Williames Pimentel à Prefeitura de Porto Velho

Com um discurso acalorado, o pré-candidato à Prefeitura de Porto Velho pelo PMDB, Williames Pimentel, iniciou sua caminhada rumo às eleições de 2016. Na noite de quinta-feira, o auditório do partido estava lotado de lideranças, militantes e representantes da imprensa. A mesa, composta por dirigentes, foi unânime em dizer que o pré-candidato tem o apoio incondicional da legenda, que faz parte do projeto de candidatura legitima e pura, e traz consigo um plano mobilizador de desenvolvimento e bem estar para a população rondoniense.

“Não podemos mais deixar nossa capital ser sucateada. Precisamos de alguém com pulso forte e determinado a resolver as mazelas que estão sendo deixadas para a população portovelhense”, disse o empresário e vice-presidente do PMDB, Dirceu Fernandes.

Williames Pimentel está há décadas na gestão pública e por onde passou contribui com os entes com uma gestão articulada e desprovida de interesses sectários. Durante 15 anos comandou a saúde pública e estabeleceu um modelo de Sistema Único de Saúde ainda não existente no Estado, mas que se propagou por sua eficiência e resolutividade.

Na noite de quinta-feira, o gestor demonstrou os interesses contidos no plano governamental, flexível e em construção a partir das conversas com a comunidade. Pimentel valorizou a mentalidade partidária e de interesse comum na construção do bem estar social, ressaltou o trabalho que vem sendo realizado pelo governo do Estado e pactuou o interesse de atender várias esferas básicas para fazer de Porto Velho novamente uma capital respeitada.

Do transporte público ao desporto, da massa asfáltica a saúde pública. Assim o pré-candidato discursou, em demonstração de uma leitura completa da gestão pública. Pimentel esteve por duas vezes na saúde pública para reerguer o atendimento, e disse que estará na frente de batalha para erguer novamente. Na educação, Pimentel tratou do fomento à valorização profissional, e de demais setores de interesse público.

Pimentel ressaltou que está livre do cargo público, mas não da força do trabalho que o move para melhorar a vida do cidadão. “A descompatibilização do cargo ajudou a trazer mais pessoas para um processo transformador e de construção da melhoria de vida em nossa cidade, com uma condução ética e falando a verdade. Todos estão sendo chamados, não há grupos fechados. Estamos abertos para adesões e propostas que ajudarão neste processo de mudança”, disse Pimentel.

Fonte: assessoria/Foto Marcelo Gladson

Comente

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here